segunda-feira, 1 de março de 2010

Quero ensinar as crianças

Elas ainda tem olhos encantados.
Seus olhos são dotados daquela qualidade que,
para os gregos era o início do pensamento:
a capacidade de se assombrar diante do banal.

Para as crianças tudo é espantoso: um ovo,
uma minhoca, um ninho de passarinho, uma concha de caramujo,
o voo dos urubus, os pulos dos gafanhotos, uma pipa no céu,
um pião na terra, coisas que os olhos eruditos não veem.

Rubem Alves


Um comentário:

Isaias Medeiros disse...

Olá

Uma postagem muito interessante, assim como o restante do blog. Parabéns pelo seu trabalho, já estou sendo seu seguidor.

Se também desejar me visitar, conhecer minhas ideías, trocar links ou seguir meu blog, visite:
Um pouco além do óbvio.

Abraço.